• Marcelo Bandeira

CRUZANDO A KING HUSSEIN BRIDGE

Atualizado: 18 de Nov de 2018


King Hussein Bridge

Este post mostra um caminho incomum aos viajantes que buscam a famosa Cidade Perdida. São dicas de como cruzar a ponte que une a tríplice fronteira entre Cisjordânia, Israel e Jordânia.


Um questionamento comum a quem viaja pelo Egito, Jordânia e Israel é sobre qual caminho seguir para chegar na famosíssima Petra. Esta região tem diversas estações de fronteira, algumas são opções mais fáceis e outras com custos menores. As mais comuns estão ao sul e envolvem as cidades fronteiriças de Taba (Egito), Eilat (Israel) e Aqaba (Jordânia).


Mas estando em Petra é possível chegar em Jerusalém por outro caminho? Sim, você pode usar a King Hussein Bridge no norte da Jordânia. No lado israelense a mesma ponte tem outro nome: Allenby Bridge.


Fronteira Jordânia x Cisjordânia x Israel

São complexos os trâmites de fronteiras no Egito, Jordânia e Israel. Portanto os detalhes para cruzar por elas devem ser bem estudados. Algumas tem horários bem restritos e não funcionam 24hs. Além disto dependem de outros modais (táxi, ônibus e ferry boat). Para exemplificar a Allenby/King Hussein Bridge fica aberta por somente 2hs no Pessach – a páscoa judaica.


Então como sair de Petra e chegar em Jerusalém?

De manhã siga para o aeroporto de Amman...


Para ir do aeroporto para a ponte use o shuttle bus para a praça central. Chegando lá escolha um táxi e siga para a fronteira. Uma importante dica é não aceitar as ofertas de transfer ofertadas na porta do ônibus. Desembarque e caminhe pelo pátio do estacionamento. Vá em direção as lojas e negocie com algum dos diversos taxistas. Pagamos U$S20 para ir até a ponte.


Saiba que ao chegar próximo da fronteira você terá que trocar de táxi. Pois o acesso à região só pode ser feito por carros cadastrados. Peça ao seu motorista para intermediar este processo de troca (isto deverá custar + ou - U$S3).

Vale salientar que este trajeto irá proporcionar uma breve panorâmica sobre Amman. Ao cruzar a cidade é fácil perceber como a capital da Jordânia é moderna, rica e quase toda da mesma cor (Ocre é uma cor que o governo não cobra impostos pela pintura dos prédios).

Cruzando a fronteira pela king Hussein bridge

Ao chegar à estação de fronteira jordaniana você deverá usar a fila específica para estrangeiros (uma fila bem menor). Entregue seu passaporte e aguarde a chegada de outras pessoas, pois a travessia só iniciará quando um ônibus completar a sua lotação (tens que pagar U$S2 pela bagagem). Saiba que pode demorar 2hs entre a entrega dos passaportes e a chegada no lado israelense (um tempo menor pode ocorrer se o ônibus lotar rápido). Este transfer é exclusivo para estrangeiros.


Uma vez dentro do ônibus você irá percorrer um trajeto de 5km e não crie expectativas para ver a citada ponte.


Ao chegar a estação israelense novamente terá uma fila diferente. Após passar pelos trâmites de fronteira e já do lado de fora busque as vans para Jerusalém. Encontre o balcão que vende o ticket antecipado (é obrigatório ter o ticket). Ao estar de posse da passagem (custa U$S7) descubra qual será a sua van pois elas são numeradas.


Este transfer vai te deixar no terminal rodoviário em frente a Old Jaffa Gate, ou seja, muito bem localizado ao lado das muralhas da Velha Jerusalém. E além disto o trajeto até a cidade passa por belas paisagens.


King Hussein Bridge

Você quer evitar esperas e ter uma passagem VIP pela fronteira?

Na estação jordaniana existem carros executivos que além de mais confortáveis também aceleram os trâmites. Esta opção custa U$S100 por pessoa e em menos de 1h você estará na estação israelense.


Boa viagem!

Quer ajuda para cruzar esta fronteira? Entre em contato pelos comentários.




AJUDE O BLOG-RESERVE NOS LINKS DO SITE



#israel #jordania #allenbybridge #kinghusseinbridge #cisjordania #israeliborder #crossingborder #jordan #petra #deadsea #jerusalem #roteiroscompartilhados

0 visualização
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram
  • Facebook Social Icon

O objetivo deste site é oferecer um espaço para a construção de roteiros de viagens colaborativos.

Compartilhe suas dúvidas e experiências nos comentários do blog e ajude outras pessoas na busca pelo roteiro perfeito.

Eu posso te ajudar a criar o seu roteiro... vamos conversar.

SITE PARCEIRO DO

logo mochila.png

© 2017 - 2020 by Marcelo Bandeira